Sem categoria

Reveladora e mais radical, segunda temporada de “A Garota da Moto” chega ao SBT

Publicado em

A partir do dia 6 de março, o SBT
passa a transmitir a segunda temporada de “A Garota da Moto”. Com direito a novos rostos integrando o grupo de personagens e conflitos inéditos introduzidos na trama, a segunda temporada da série promete mais radicalismo. 


Christiana Ubach interpreta Joana em
João Raposo/SBT

Christiana Ubach interpreta Joana em “A Garota da Moto”

Leia também: Dúvida do que assistir? Veja lista das melhores séries britânicas para maratonar

A Garota da Moto
” é protagonizada por Joana (Christina Ubach), uma jovem que é apaixonada por sua moto e por seu filho de oito anos, Nico (Enzo Barone), o qual criou sozinha.  O pai de Nico morreu, e teve o garoto por meio de uma relação fora do casamento. Bernarda, a viúva, almeja tirar Nico dos braços da mãe, com medo que ele lhe tome a herança.



João Raposo/ Divulgação SBT

“A Garota da Moto”

A segunda temporada insere vários personagens novos na trama, como é o caso de Alex (Erom Cordeiro), meio-irmão do Dinho, antigo amigo de Joana que partiu para o lado da vilã; Ferreira (Adriana Lessa), a nova delegada da corregedoria de polícia e também Naomi (Ana Flavia Cavalcanti), detenta que divide a mesma cela que a vilã Bernarda e passa a ser sua capanga.

A estreia da série
acontece no próximo dia 6. Os episódios são exibidos de segunda a sexta, após a novela “Cúmplices de Um Resgate”, no
SBT

.  Willians Mezzacapa (Rafa), Luigi Kenzo(Tsu) Adriano Petermann (Cica), Shirley Cruz (Érika) E Magali Biff (Néia) também integram o elenco do seriado, criado por David França Mendes e João Daniel Tikhomiroff.

Documentário “Eleições” estreia 14 de março



Divulgação

“Eleições” (2019)

Dirigido por Alice Riff, o documentário “Eleições” estreia em 14 de março. As filmagens aconteceram na Escola Estadual Doutor Alarico Silveira, no bairro da Barra Funda, em São Paulo.  O documentário é desenvolvido em torno das novas eleições para o grêmio estudantil, trazendo um olhar sobre as diferentes propostas dos grupos, tal como os conflitos a partir do momento em que os estudantes demonstram divergência política.

Leia mais:  Com trama sobre refugiados, Kaysar Dadour estreia como ator em “Órfãos da Terra”

“O desejo do filme foi o de fortalecer o espaço de construção política do jovem dentro da escola, da escola ser cada vez mais este espaço de reflexão crítica”, declara a diretora, Alice Riff. ” O filme propõe que a escola pública deve ser olhada com carinho. Ela tem inúmeros problemas, mas o que ninguém tira dela são as pessoas, alunos e funcionários, que recriam os espaços. A escola é um microcosmos que reflete o macro, e potencializar a experiência da escola é fundamental para construir o país que queremos”, completa.

“Paciência”


Phillip e Rodrigo
Divulgação

Phillip e Rodrigo

Relacionamentos, nostalgia, astrologia e reinvenção são as palavras que resumem o novo álbum do duo Phillip e Rodrigo, intitulado “Paciência”. Disponível nas plataformas digitais desde a última sexta (22), o disco  conta com hits como  Paciência
, Magnético
e Retrógrado
. “Gosto de quem faz som fora da caixa, se não, acaba caindo naquela fórmula do sucesso e você fica na zona de conforto, não explora outras coisas”, comenta Phillip. “Sempre tentamos fazer um disco que daqui a dez anos possa ouvir e não soar datado”, declara Rodrigo.

Leia mais:  Cenário externo supera otimismo local e faz dólar voltar aos R$ 3,90

Leia também: De “Grey’s Anatomy” a “TWD”, confira as séries que são recordistas em abandono

“Rocketman”


Elton John e Taron Egerton
Divulgação

Elton John e Taron Egerton

Elton John terá a sua biografia retratada no filme “Rocketman”, previsto para ser lançado em maio deste ano. Durante a festa beneficente após o Oscar, John se juntou a Taron Egerton (ator que irá interpretá-lo na biografia) para um dueto, emocionando o público presente no local. Dirigido por Dexter Fletcher, o filme volta aos tempos mais humildes de Elton John, até sua ascensão na música. O elenco também conta com Jamie Bell (“Quarteto Fantástico”),  Richard Madden (“Game of Thrones”), Bryce Dallas Howard (“Jurassic World”).


Premiadíssima


Lady Gaga ganha o Oscar de Canção Original por Shallow
Reprodução/Twitter

Lady Gaga ganha o Oscar de Canção Original por Shallow

Cheia de prêmios e poderosa. Foi assim que Lady Gaga encerrou sua ida à premiação do Oscar no último Domingo (24). Além disso, a cantora fez história, uma vez que se tornou a se tornou a primeira artista musical a vencer cinco premiações na mesma temporada: Oscar, Grammy, Globo de Ouro, Bafta e Critics’ Choice Awards.  Isso por causa do filme “Nasce Uma Estrela” (2018), do qual foi a protagonista.

Novos conflitos tomam conta da segunda temporada de “A Garota da Moto”



João Raposo/Divulgação SBT

“A Garota da Moto”

Leia também: À vontade com status de “viciados”, jovens de hoje assistem cada vez mais séries

Na nova temporada de ” A Garota da Moto
“, a trama de Joana e Nico ganha cada vez mais tensão, por causa de Bernarda, o que coloca os dois em um perigo crescente. Além disso, novos conflitos também ameaçam a vida maluca do pessoal da Motópolis e do Novo Botecão, tal como revelações de passados obscuros de alguns personagens. Novos inimigos cruzam a vida de Joana nessa segunda temporada, tornando tudo cada vez mais perigoso e radical. 

Comentários Facebook
Advertisement

Política VG

Vereador/VG se “despede” de entidade; sai a Federal e mira votação histórica de Curvo

Published

on

Pré-candidato à Câmara Federal pelo PSB, o Vereador por Várzea Grande, Bruno Lins Rios se licenciou da UCMMAT (União das Câmaras de Mato Grosso), para alçar vôo  mais alto. Empossado na entidade em 2021, Rios terá pela frente dois adversários de peso no partido, sendo a primeira-dama de Rondonópolis, Neuma de Morais e o Deputado Estadual, Alan Kardec. O vereador poderá se engajar exclusivamente como representante de Várzea Grande, já que outro pretendente ao mesmo cargo, o Vereador Rogerinho Dakar (PSDB), vê sua sigla “derretendo”. A idéia de Bruno é “bombar” na cidade industrial, para isso vêm se cacifando financeiramente e logicamente formar dobradinhas, dentre as metas, uma delas é aproximar da histórica votação em 2006 do ex-vereador Chico Curvo, batendo 37 mil votos.

 

 

fonte Oempallador

Comentários Facebook
Leia mais:  Cenário externo supera otimismo local e faz dólar voltar aos R$ 3,90
Continue Reading

Sem categoria

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Published

on


source
Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum
Marcelo Camargo/Agência Brasil – 08.03.2022

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Dentre os pré-candidatos ao Palácio do Planalto,  o presidente Jair Bolsonaro é o que apresenta o maior índice de rejeição, aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira: 55% dos entrevistados afirmam que não votariam nele de jeito nenhum. O desempenho é melhor que o apresentado na última pesquisa do instituto, quando essa porcentagem chegou a 60%. As duas pesquisas, contudo, não são diretamente comparáveis, já que houve mudanças na lista de candidatos.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é quem ocupa a segunda colocação no ranking, com rejeição de 37%. Na sequência, vêm o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 30%; o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 26%; e o ex-governador Ciro Gomes (PDT), que registrou 23% no índice.

Em um segundo bloco, com números menores, estão o governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB), com 14%; Vera Lúcia (PSTU), que registrou 13% de rejeição; Simone Tebet (MDB) e Leonardo Péricles (UP), ambos com 12%; e Felipe D’Ávila (Novo), que marcou 11%.

Leia mais:  Com trama sobre refugiados, Kaysar Dadour estreia como ator em “Órfãos da Terra”

Leite, que perdeu nas prévias do PSDB para o governador João Doria, avalia um convite do PSD para concorrer à Presidência, além da possibilidade de concorrer pelo próprio PSDB no lugar de Doria — hipótese estimulada por aliados.

Leia Também

A baixa rejeição a nomes do segundo bloco, no entanto, passa também pelo grau de conhecimento desses pré-candidatos entre os eleitores. Lula é o mais conhecido pelos entrevistados: 99% disseram saber quem ele é. O presidente Jair Bolsonaro tem índice de 98%, enquanto 90% afirmaram conhecer Sergio Moro. Ciro Gomes tem 89% de conhecimento e Doria, 80%.

Dos entrevistados, 42% dizem conhecer o governador Eduardo Leite, 31% conhecem Vera Lúcia e 30%, Felipe D’Ávila. A senadora Simone Tebet registra índice de 28%, enquanto Leonardo Péricles tem 20% de conhecimento.

O Datafolha ouviu 2.556 eleitores em 181 municípios de todo o país entre terça e quarta-feira desta semana. A pesquisada foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-08967/2022. O nível de confiança do levantamento – isto é, a probabilidade de que ele reproduza o cenário atual, considerando a margem de erro – é de 95%.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

Comentários Facebook
Continue Reading

Parque Berneck – Várzea Grande

Política MT

Mato Grosso

Policial

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana