Várzea Grande

Prefeitura intensifica serviços de revitalização da sinalização viária da cidade

Publicado em

A Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana está realizando a revitalização da sinalização viária de diversas ruas do município. A ação tem por objetivo, promover a mobilidade urbana e a segurança no trânsito. Além do reforço nas sinalizações a Prefeitura Municipal também esta implantando, placas de advertência e regulamentação de velocidade. Até o momento 35 bairros já foram contemplados com esses serviços. Na região central o trabalho foi concluído.   

“Essa medida tem por objetivo promover a mobilidade urbana e garantir a segurança no trânsito, principalmente, nas vias onde o fluxo de veículos é mais intenso. Realizamos a manutenção de 70 cruzamentos e já implantamos 40 novas placas em locais com cruzamentos. Pretendemos atingir, ainda neste primeiro semestre, 100 bairros de Várzea Grande”, informou o secretário da pasta, Breno Gomes.  

A Avenida Eduardo Gomes, por exemplo, recebeu serviços de pintura da via, com sinais laterais, marcação de eixo central, 12 quebra-molas e três faixas de pedestre. A Rua Mendes de Sá foi contemplada com pinturas de faixas laterais, eixo central com pinturas refletida em toda a sua extensão. As melhorias também foram sentidas pelos moradores dos bairros Ipase e Nossa Senhora da Guia (que recebeu três passagens de pedestre nas vias de acesso ao bairro). As Avenidas Filinto Muller e Couto Magalhães também foram contempladas com as sinalizações.

De acordo com o secretário Breno Gomes, a sinalização viária será estendida a outras localidades, de acordo com estudos e planejamento definidos pelo setor, além de situações envolvendo a necessidade na execução do serviço. “Nossa equipe está mobilizada neste trabalho, tudo para deixar a cidade com um trânsito mais seguro. A manutenção e melhoria na sinalização são importantes porque também geram mais conforto aos motoristas e pedestres”.

Leia mais:  Guarda Municipal recebe uniformes novos nos 152 anos de Várzea Grande

Com o crescimento e desenvolvimento da cidade, e aumento de veículos que circulam no município, a secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana deve adotar neste ano, mudanças em algumas vias, que antes eram mão e com a adequação será contramão.

Um desses locais está localizado na Região do Zero Quilômetro, precisamente, a Rua São José via de acesso a Avenida da FEB, que desde a última semana passou a ser mão única. Os motoristas que estiverem vindo de Cuiabá com sentido ao centro de Várzea Grande não poderão virar à direita (na Rua São José). Já Rua Santa Inácia que atualmente funciona nos dois sentidos, passa a partir da próxima semana a operar também por mão única, servindo de retorno para quem vai utilizar a rotatória do Zero Quilômetro.  

O secretário afirma que todas as mudanças visam um trânsito mais seguro, garantindo a proteção de pedestre, ciclistas e motoristas. “As mudanças também fazem parte do ordenamento urbano, principalmente, na área central da cidade. Estamos realizando estudos, para verificar pontos de estrangulamentos do trânsito e, havendo a necessidade e de forma gradativa iremos fazer as modificações. Toda mudança causa transtornos à população, mas com o tempo, por isso pedimos que a população tenha paciência e que as vantagens na execução do serviço serão notadas em pouco tempo”.  

Leia mais:  Operação Lei Seca prende 11 pessoas em Cuiabá e Várzea Grande neste fim de semana

Radares Eletrônicos: A Prefeitura Municipal de Várzea Grande tem adotado medidas que visam também reduzir a velocidade de veículos em vias de grande movimentação. Um novo modelo operacional, adotado pela Guarda Municipal, o Radar Eletrônico, fixa a velocidade limite de até 60 quilômetros, nas Avenidas da FEB, Filinto Muller e 31 de março, onde os equipamentos estão sendo operados.  

Breno Gomes destaca que todas essas ações têm como meta disciplinar o trânsito, reduzir a velocidade dos veículos e dando aos pedestres a segurança na hora de fazer a travessia dessas vias.

Já o secretário de Defesa Social, e comandante da Guarda Municipal, Evandro Homero Dias, disse que a medida em se adotar radar eletrônico foi o de minimizar os acidentes de trânsitos em pontos estratégicos da cidade, por meio do controle de velocidade, e os primeiros resultados nos mostram que houve uma diminuição de número de acidentes no município. “Ainda que esses números sejam positivos, ainda estamos flagrando motoristas dirigindo em alta velocidade”.

As infrações por excesso de velocidade variam entre a média de R$ 130,16 e a gravíssima R$ 880,41, além dos pontos registrados na Carteira de Habitação (CNH) que podem adicionar até sete pontos, em uma única infração.

Por: Kátia Passos – Secom/VG

Comentários Facebook
Advertisement

Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Alegre monta estrutura para retomada da Festa de Agosto

Published

on

Estão acelerados os preparativos para a Festa de Agosto 2022 em Várzea Alegre, de 21 a 31 deste mês.

A Prefeitura de Várzea Alegre iniciou a montagem do Barracão Cultural Poeta Francisco de Sousa Sobrinho e das tendas na Av. Luiz Afonso Diniz no último sábado, 13 de agosto.

Segundo Maria Luiz Sátiro, que responde pelo NAT – Núcleo de Administração Tributária, a previsão é que a montagem das tendas seja concluída nesta terça-feira, 16 de agosto.

O Barracão Cultural terá área de 700 metros quadrados e esse ano, na 18ª edição, trabalhará o tema “Louceiras – o barro em mãos talentosas”, segundo informou Toinha Pereira – secretária de Cultura e Turismo de Várzea Alegre.

De acordo com Maria Luiza, este ano estão sendo instaladas 40 tendas para venda de bebidas e comidas e 4 barracas para venda de drinks, com trabalhos de 31 barraqueiros.

Como novidades, este ano terá uma barraca especializada na venda de doces e a plataforma 360º como destaque de mídia.

Quanto aos preços que os comerciantes pagaram para negociar durante a festa, a tenda com área 5×5 teve investimento de R$ 1.000,00, área 3X3, R$ 600,00 e com área 2X2, R$ 500,00.

Leia mais:  Força Tática prende suspeito e apreende 46 kg de drogas em Várzea Grande

Para abastecer de bebidas esses comerciantes, a Prefeitura fechou parceria com uma empresa de Várzea Alegre, o que evita exclusividade de produto e os comerciantes terão liberdade para vender diversas marcas de cerveja.

Parque de diversões

Com chamada pública feita pela Prefeitura de Várzea Alegre, o Parque de Diversões Recife, por melhor oferta, pagou antecipadamente a soma de R$ 30 mil, dinheiro depositado na conta da Prefeitura, para uso do espaço público. A montagem do parque deve começar dia 18 de agosto.

Moradores

Os moradores da Av. Luiz Afonso Diniz e das ruas José Correia Sobrinho, Profa. Socorro Rolim e Murilo Ribeiro, que têm as frentes e garagens de suas casas tomadas pelas instalações das tendas, em entendimento com a Prefeitura, estacionam seus veículos automotores em terreno fechado e com vigilância, no Alto Santo Center.

Xand Avião

Fora do circuito da Av. Luiz Afonso Diniz, a festa terá grande show público, na noite de 24 de agosto, com a presença do forrozeiro Xand Avião no Parque Cívico São Raimundo Nonato.

Leia mais:  Quatro crianças são resgatadas durante chuva forte em Várzea Grande

Retomada

A programação social da Festa de Agosto é retomada após dois anos da pandemia de Covid-19. Há grande expectativa da população, da cidade e da região, para o evento público.

A Festa de Agosto transcorre em paralelo aos festejos religiosos ao padroeiro da cidade, São Raimundo Nonato.

Assessoria de Comunicação

Reportagem: Marco Filho

fonte – varzea alegre

Comentários Facebook
Continue Reading

Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande desmarca reunião em cima da hora; categoria discutirá greve

Published

on

A equipe de secretários do prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, não compareceu a uma reunião previamente agendada com lideranças do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso da central e da subsede no município. A agenda marcada para esta segunda-feira (15), iria tratar de duas pautas primordiais para a categoria: o rateio das sobras do Fundeb e o reajuste do Piso Salarial, conforme o Piso Nacional estabelecido para os profissionais do magistério.

O presidente do Sintep-MT, Valdeir Pereira, criticou a falta de respeito da gestão municipal de Várzea Grande, para com os trabalhadores da Educação. “Desmarcar uma reunião em cima da hora, mostra como a administração trata os educadores, com total desrespeito. Infelizmente, a gestão municipal não se mostra aberta ao diálogo, ignora as reivindicações legítimas da categoria. Diante disso, não temos outra escolha a não ser caminhar para a possibilidade de uma greve dos trabalhadores da Educação de Várzea Grande, com a paralisação das nossas atividades, até sermos ouvidos e atendidos em nossas pautas”, disse o sindicalista.

Leia mais:  Alunos de Várzea Grande participam da etapa regional da 6º Olimpíada da Língua Portuguesa

O presidente da Subsede do Sintep em Várzea Grande, Juscelino Moura, destaca a união dos educadores na luta pelos direitos da categoria. “Faço essa convocação para todos os profissionais da educação, para que se juntem ao sindicato em nossos atos e protestos. A administração pública em Várzea Grande tem a cultura de perseguir os servidores, especialmente aqueles que não ficam passivos diante desses ataques aos nossos direitos; mas apesar disso, reitero que não devemos ter medo, porque a própria legislação está do nosso lado, quando pleiteamos o reajuste salarial conforme o piso nacional. Quanto ao rateio, temos provas que o município tem condições de pagar”, disse.

O Assessor Jurídico da subsede do Sintep, Dr. Bruno Boaventura, também destacou a questão dos recursos não utilizados do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). “O que temos a dizer do ponto de vista jurídico é que a prefeitura de Várzea Grande gasta hoje cerca de 42% da receita corrente líquida com gasto em pessoal. Ou seja, a prefeitura tem condições financeiras orçamentárias de pagar o rateio do Fundeb e de pagar o piso conforme a lei. A Assessoria Jurídica do Sintep vai acionar novamente o Ministério Público Federal para que um inquérito quanto à aplicação da lei do rateio do Fundeb seja regularizado e seja proposta pelo MPF, uma ação por improbidade administrativa contra o prefeito Kalil e também contra o secretário de Educação do município”, disse o advogado Bruno Boaventura.

Leia mais:  Operação Lei Seca prende 11 pessoas em Cuiabá e Várzea Grande neste fim de semana

“Não nos calaremos diante dessas afrontas com os direitos dos trabalhadores da educação. Conforme os próprios dados orçamentários, não há desculpa financeira para não implementar o piso e fazer o rateio das sobras do Fundeb”, finalizou o presidente da entidade de Classe, Valdeir Pereira.

fonte – sintep orgg

Comentários Facebook
Continue Reading

Parque Berneck – Várzea Grande

Política MT

Mato Grosso

Policial

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana