Sem categoria

Livin’ la vida loca? Aos 47 anos, Ricky Martin ostenta boa forma na web

Publicado em

No auge de seus 47 anos de idade, Ricky Martin resolveu atualizar sua conta do Instagram
com um clique considerado por suas seguidoras como “hermoso”, “perfecto” e “divino”. Na imagem, o cantor porto riquenho aparece sem camiseta, exibindo suas tatuagens e usando um short branco.

Leia também: Ricky Martin passeia de helicóptero no Rio


Ricky Martin posa sem camisa e recebe chuva de elogios de seguidoras
Reprodução Instagram

Ricky Martin posa sem camisa e recebe chuva de elogios de seguidoras

Na legenda de sua publicação no Instagram, Ricky Martin
fez um jogo de palavras “Sun-Day”, fazen alusão as palavras “Domingo e ensolarado”.

Leia também: “Eu vivia com uma homofobia internalizada”, revela Ricky Martin

Com pouco tempo de sua publicação, a foto do artista latino já conquistou mais de meio milhão de likes e incontáveis comentários. Com milhões de seguidores ao redor do mundo, os idiomas se misturam no feed de comentários.

“O senhor é um pecado, adoro suas músicas, ainda tenho os CD’s”, elogiou uma admiradora lusitana. “Jesus Cristo que foto é essa? Um homem tão bonito… se cuide sempre, meu amor. Beijos”, disse outro argentina. “Muito sexy, porém, é para os rapazes”, disse outra internauta com tom humorado.

Leia mais:  Diogo vai enganar Nana com terapia de casal falsa em “Bom Sucesso”

Ricky foi um dos maiores ídolos adolescentes da América Latina durante os anos 90 e uma figura importante na música pop americana até o final da década. Ele ficou mundialmente conhecido por ser o vocalista da banda Menudo. Depois de cinco anos com o grupo, ele lançou vários álbuns solo em espanhol.

O artista também atuou no palco e na televisão no México, onde conseguiu um estrelato modesto, chegando a fazer aparições na novela de televisão norte-americana “General Hospital” (1994).

Leia também: Ricky Martin curte praia ao lado de namorado

O cantor
assumiu sua homossexualidade aos 38 anos de idade, em 2010. À época, em entrevista The Hollywood Reporter
, Ricky Martin
explicou o porquê de ter demorado para assumir sua orientação: “Eu já sentia que era difícil ser latino nos EUA, o que poderia ser mais difícil de ser latino e gay?”.

Comentários Facebook
Advertisement

Política VG

Vereador/VG se “despede” de entidade; sai a Federal e mira votação histórica de Curvo

Published

on

Pré-candidato à Câmara Federal pelo PSB, o Vereador por Várzea Grande, Bruno Lins Rios se licenciou da UCMMAT (União das Câmaras de Mato Grosso), para alçar vôo  mais alto. Empossado na entidade em 2021, Rios terá pela frente dois adversários de peso no partido, sendo a primeira-dama de Rondonópolis, Neuma de Morais e o Deputado Estadual, Alan Kardec. O vereador poderá se engajar exclusivamente como representante de Várzea Grande, já que outro pretendente ao mesmo cargo, o Vereador Rogerinho Dakar (PSDB), vê sua sigla “derretendo”. A idéia de Bruno é “bombar” na cidade industrial, para isso vêm se cacifando financeiramente e logicamente formar dobradinhas, dentre as metas, uma delas é aproximar da histórica votação em 2006 do ex-vereador Chico Curvo, batendo 37 mil votos.

 

 

fonte Oempallador

Comentários Facebook
Leia mais:  Felipe Neto detona “BBB Celebs”: “Nenhum youtuber toparia”
Continue Reading

Sem categoria

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Published

on


source
Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum
Marcelo Camargo/Agência Brasil – 08.03.2022

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Dentre os pré-candidatos ao Palácio do Planalto,  o presidente Jair Bolsonaro é o que apresenta o maior índice de rejeição, aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira: 55% dos entrevistados afirmam que não votariam nele de jeito nenhum. O desempenho é melhor que o apresentado na última pesquisa do instituto, quando essa porcentagem chegou a 60%. As duas pesquisas, contudo, não são diretamente comparáveis, já que houve mudanças na lista de candidatos.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é quem ocupa a segunda colocação no ranking, com rejeição de 37%. Na sequência, vêm o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 30%; o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 26%; e o ex-governador Ciro Gomes (PDT), que registrou 23% no índice.

Em um segundo bloco, com números menores, estão o governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB), com 14%; Vera Lúcia (PSTU), que registrou 13% de rejeição; Simone Tebet (MDB) e Leonardo Péricles (UP), ambos com 12%; e Felipe D’Ávila (Novo), que marcou 11%.

Leia mais:  Felipe Neto detona “BBB Celebs”: “Nenhum youtuber toparia”

Leite, que perdeu nas prévias do PSDB para o governador João Doria, avalia um convite do PSD para concorrer à Presidência, além da possibilidade de concorrer pelo próprio PSDB no lugar de Doria — hipótese estimulada por aliados.

Leia Também

A baixa rejeição a nomes do segundo bloco, no entanto, passa também pelo grau de conhecimento desses pré-candidatos entre os eleitores. Lula é o mais conhecido pelos entrevistados: 99% disseram saber quem ele é. O presidente Jair Bolsonaro tem índice de 98%, enquanto 90% afirmaram conhecer Sergio Moro. Ciro Gomes tem 89% de conhecimento e Doria, 80%.

Dos entrevistados, 42% dizem conhecer o governador Eduardo Leite, 31% conhecem Vera Lúcia e 30%, Felipe D’Ávila. A senadora Simone Tebet registra índice de 28%, enquanto Leonardo Péricles tem 20% de conhecimento.

O Datafolha ouviu 2.556 eleitores em 181 municípios de todo o país entre terça e quarta-feira desta semana. A pesquisada foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-08967/2022. O nível de confiança do levantamento – isto é, a probabilidade de que ele reproduza o cenário atual, considerando a margem de erro – é de 95%.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

Comentários Facebook
Continue Reading

Parque Berneck – Várzea Grande

Política MT

Mato Grosso

Policial

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana