Mato Grosso

Demonstração prática ensina agricultores a fabricar defensivos agrícolas de baixo custo

Publicado em

Dezoito produtores rurais participaram de uma demonstração prática de como fazer defensivos agrícolas naturais como, por exemplo, calda bordalesa e biofertilizante orgânico. A demonstração foi feita na Comunidade Novo Caminho, no município de Nova Canaã do Norte (a 699 km ao Norte de Cuiabá). O técnico agropecuário da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Cícero Pereira do Nascimento, fala que o objetivo foi disponibilizar novas tecnologias de baixo custo e de fácil manuseio ao produtor rural.

Ele explica que esses insumos são feitos com sulfato de cobre e cal virgem que, diluídos em água, são transformados na calda bordalesa. O produto é recomendado para o controle de doenças fúngicas em hortas e pomares. “O uso é permitido na agricultura orgânica. O sulfato de cobre é um produto pouco tóxico e melhora o equilíbrio nutricional das plantas”, esclarece.

Obter produtos agrícolas mais saudáveis isentos de contaminação por defensivos químicos, reduzir o custo de produção e aumentar a lucratividade foram alguns dos pontos de destaque para a demonstração prática realizada na área do produtor rural João Antônio da Silva Filho.  Numa área de 25 hectares, o produtor possui horta e pomar de laranja, limão e poncã e já utiliza a calda bordalesa de forma eficaz no combate a fungos e pragas.

Leia mais:  Mato Grosso disponibiliza 971 vagas de emprego

Segundo Cícero, foram apresentadas aos agricultores maneiras naturais de eliminar da lavoura pragas e fungos que comprometem a qualidade dos legumes, verduras e outros alimentos que são produzidos. Durante a demonstração foi entregue aos produtores um material elaborado pelos técnicos da Empaer, trazendo o passo a passo de como deve ser preparada a calda, além de recomendar os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) necessários para o manuseio dos elementos químicos.

O material elaborado pelos técnicos é didático e possui diversas receitas. São compostos preparados pelo agricultor, não são tóxicos e de baixo custo, como calda de cal e cinzas, alho, fumo, sabão e outras utilizadas para combater insetos, formigas, lagartas, lesmas, pulgões e etc. O material também possui, informações sobre diversos biofertilizantes orgânicos. “Os inseticidas naturais podem ser preparados a partir de plantas ou minerais não tóxicos à saúde humana e ao ambiente”, ressalta Nascimento.

O público alvo dessa demonstração prática foram agricultores que comercializam suas produções por meio de associações das quais fazem parte. Cícero comenta que todas as quartas-feiras da semana, os agricultores se organizam na feira para que possam vender a sua produção, além de comercializarem para o Programa de Aquisição de Alimentos (PPA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). 

Leia mais:  Menina de 11 anos morre com Covid após uma semana internada em Cuiabá

Para mais informações sobre a produção de caldas e biofertilizantes, acesse aqui o material didático sobre defensivos agrícolas orgânicos.

Comentários Facebook
Advertisement

Mato Grosso

Verde Novo participa do Projeto Multiação no próximo sábado, dia 20

Published

on

O Projeto Verde Novo, que promove ações de conscientização ambiental, plantio e distribuição de mudas na Capital de Mato Grosso, será um dos parceiros do projeto Multiação – realizado pela Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt) no próximo sábado (20 de agosto), no bairro Jardim Liberdade, em Cuiabá.
 
A população terá acesso a diversos serviços gratuitos como atendimentos médicos, aferição de glicose, agendamento de exames, negociação de débitos e religações pela Energisa, coleta de sangue, corte de cabelo e muito mais.
 
Por parte do Verde Novo, serão distribuídas 500 mudas de árvores nativas e frutíferas do Cerrado, para que a população tenha a oportunidade de colaborar com o processo de arborização urbana de Cuiabá.
 
Os atendimentos do Verde Novo serão realizados das 8h às 12h, na Creche Filantrópica Nina Zaque, localizada no endereço do link a seguir: https://sesi.mt/MultiaçãoJdLiberdade
 
Verde Novo – Um projeto do Poder Judiciário de Mato Grosso, idealizado pelo Juvam de Cuiabá, desenvolvido em cooperação técnica com o Município de Cuiabá e o Instituto Ação Verde e patrocinado pelo Grupo Petrópolis, responsável pela doação das mudas de árvores nativas e frutíferas. O projeto Verde Novo também conta com a parceria da TV Centro América e da Energisa, na divulgação.
 
 
#Paratodosverem
Esta matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência visual.
Descrição de imagem: foto horizontal colorida de vários caixotes com mudas do Projeto Verde Novo. As caixas estão na parte interior da van do projeto e na frente de cada uma há uma placa com as espécies: bacupari, goiaba e pitomba.
  
Mylena Petrucelli
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
 
 
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT

Leia mais:  Menina de 11 anos morre com Covid após uma semana internada em Cuiabá

Comentários Facebook
Continue Reading

Mato Grosso

Comarca de Alto Taquari está com telefone fixo indisponível

Published

on

A Comarca de Alto Taquari (a 479 km ao sul de Cuiabá) está com indisponibilidade no telefone fixo nesta terça-feira (16 de agosto). De acordo com a Administração do Fórum a concessionária responsável já foi acionada, porém, ainda não há previsão para normalização do problema.
 
Para atendimento estão disponíveis os e-mails abaixo:
 
Vara Única: [email protected]
 
Distribuidor: [email protected]
 
 
Dani Cunha
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT

Comentários Facebook
Leia mais:  PESQUISA MOSTRA EMANUELZINHO NA FRENTE NA DISPUTA PARA DEPUTADO FEDERAL EM VG
Continue Reading

Parque Berneck – Várzea Grande

Política MT

Mato Grosso

Policial

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana