Sem categoria

Criança de três anos quase morre após engasgo com pipoca e mãe faz alerta

Publicado em

A norte-americana Nicole Goddard, o marido e os filhos estavam assistindo um filme e comendo pipoca todos juntos no sábado quando o caçula, Nash, de três anos, engasgou com um milho de pipoca. Porém, rapidamente parou de tossir e voltou a prestar atenção no filme. No entanto, alguns dias depois o engasgo tornou-se um problema sério e Nicole fez um alerta aos outros pais no Facebook.  

Leia também: Mãe posta foto da filha com perna quebrada e alerta sobre cuidados com crianças


O norte-americano Nash Goddard, três anos de idade, quase morreu após engasgo com milho de pipoca
Reprodução/Facebook

O norte-americano Nash Goddard, três anos de idade, quase morreu após engasgo com milho de pipoca

“Não vimos nada saindo [após o engasgo
], então, achamos que ele tinha engolido. Ele parecia totalmente bem e continuou assistindo ao filme. A única coisa que observamos foi uma tosse que ele começou a apresentar depois disso”, escreve a mãe na rede social.

Nicole fala que no dia seguinte o filho parecia bem, mas a tosse piorou um pouco. Porém, inicialmente ela não associou à pipoca. Na segunda-feira à noite, ela sentiu que a temperatura corporal do menino havia aumentado. “Dei um antitérmico e o coloquei para dormir”, fala. “Foi uma noite longa com ele. Achei que ele estava fazendo um esforço para respirar e não estava bem. Então, liguei para o pediatra e disse que ele precisava ver meu filho o quanto antes”, completa.

Leia mais:  Embraer registra lucro de R$ 26,1 milhões no segundo trimestre

Leia também: Mãe faz alerta após brinquedo quebrar e filho engolir 13 pedaços de imã

Complicações após o engasgo


Após engasgo com pipoca, o garotinho precisou passar por duas cirurgias para voltar a desobstruir as vias e voltar a respirar
Reprodução/Facebook

Após engasgo com pipoca, o garotinho precisou passar por duas cirurgias para voltar a desobstruir as vias e voltar a respirar

O pediatra pediu um raio-x, mas não gostou do resultado. Então, pediu uma broncoscopia com uma cirurgia para poder ver o que estava obstruindo as vias aéreas e retirar. O procedimento foi feito no mesmo dia da consulta. “Ele tinha aspirado a pipoca para os pulmões
quando engasgou. Toda a inflamação causou o desenvolvimento de uma pneumonia em seu pulmão esquerdo. Durante a cirurgia, o médico tirou seis pedaços. Estava tão inflamado que o médico não estava 100% certo de que havia tirado tudo e agendou outra cirurgia igual para dali a dois dias”, relata Nicole.

Nash passou pela nova cirurgia e o último pedaço foi retirado do pulmão do garoto. Ele teve uma boa recuperação e foi liberado do hospital. Após o acontecimento, Nicole compartilhou a experiência no Facebook para alertar os pais sobre os perigos da pipoca
. “O médico me disse que pipoca não deve ser oferecida a ninguém com menos de cinco anos de idade”, fala.

Leia mais:  Ainda vale a pena comprar um tablet?

Leia também: Cadeirinha de bebê: mãe faz alerta sobre uso do acessório

Nicole ainda alerta aos pais que algo que eles podem considerar normal podem rapidamente se transforar em uma complicação. “Sempre confie nos seus instintos, porque eles estão certos!”, completa.

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a pipoca é um dos alimentos mais perigosos para crianças e só deve ser consumida a partir dos quatro anos, já que pode causar engasgo
e complicações.

Comentários Facebook
Advertisement

Política VG

Vereador/VG se “despede” de entidade; sai a Federal e mira votação histórica de Curvo

Published

on

Pré-candidato à Câmara Federal pelo PSB, o Vereador por Várzea Grande, Bruno Lins Rios se licenciou da UCMMAT (União das Câmaras de Mato Grosso), para alçar vôo  mais alto. Empossado na entidade em 2021, Rios terá pela frente dois adversários de peso no partido, sendo a primeira-dama de Rondonópolis, Neuma de Morais e o Deputado Estadual, Alan Kardec. O vereador poderá se engajar exclusivamente como representante de Várzea Grande, já que outro pretendente ao mesmo cargo, o Vereador Rogerinho Dakar (PSDB), vê sua sigla “derretendo”. A idéia de Bruno é “bombar” na cidade industrial, para isso vêm se cacifando financeiramente e logicamente formar dobradinhas, dentre as metas, uma delas é aproximar da histórica votação em 2006 do ex-vereador Chico Curvo, batendo 37 mil votos.

 

 

fonte Oempallador

Comentários Facebook
Leia mais:  Ainda vale a pena comprar um tablet?
Continue Reading

Sem categoria

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Published

on


source
Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum
Marcelo Camargo/Agência Brasil – 08.03.2022

Datafolha: 55% dizem que não votam em Bolsonaro de jeito nenhum

Dentre os pré-candidatos ao Palácio do Planalto,  o presidente Jair Bolsonaro é o que apresenta o maior índice de rejeição, aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira: 55% dos entrevistados afirmam que não votariam nele de jeito nenhum. O desempenho é melhor que o apresentado na última pesquisa do instituto, quando essa porcentagem chegou a 60%. As duas pesquisas, contudo, não são diretamente comparáveis, já que houve mudanças na lista de candidatos.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é quem ocupa a segunda colocação no ranking, com rejeição de 37%. Na sequência, vêm o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 30%; o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 26%; e o ex-governador Ciro Gomes (PDT), que registrou 23% no índice.

Em um segundo bloco, com números menores, estão o governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB), com 14%; Vera Lúcia (PSTU), que registrou 13% de rejeição; Simone Tebet (MDB) e Leonardo Péricles (UP), ambos com 12%; e Felipe D’Ávila (Novo), que marcou 11%.

Leia mais:  Dólar nas alturas é ignorado pelo governo, mas assusta investidores

Leite, que perdeu nas prévias do PSDB para o governador João Doria, avalia um convite do PSD para concorrer à Presidência, além da possibilidade de concorrer pelo próprio PSDB no lugar de Doria — hipótese estimulada por aliados.

Leia Também

A baixa rejeição a nomes do segundo bloco, no entanto, passa também pelo grau de conhecimento desses pré-candidatos entre os eleitores. Lula é o mais conhecido pelos entrevistados: 99% disseram saber quem ele é. O presidente Jair Bolsonaro tem índice de 98%, enquanto 90% afirmaram conhecer Sergio Moro. Ciro Gomes tem 89% de conhecimento e Doria, 80%.

Dos entrevistados, 42% dizem conhecer o governador Eduardo Leite, 31% conhecem Vera Lúcia e 30%, Felipe D’Ávila. A senadora Simone Tebet registra índice de 28%, enquanto Leonardo Péricles tem 20% de conhecimento.

O Datafolha ouviu 2.556 eleitores em 181 municípios de todo o país entre terça e quarta-feira desta semana. A pesquisada foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-08967/2022. O nível de confiança do levantamento – isto é, a probabilidade de que ele reproduza o cenário atual, considerando a margem de erro – é de 95%.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

Comentários Facebook
Continue Reading

Parque Berneck – Várzea Grande

Política MT

Mato Grosso

Policial

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana